Detran revitaliza faixas de pedestres

Arte: Equipe Digital do GDF

Faixas de pedestres passam por revitalização em todo o Distrito Federal e os trabalhos não param nem no fim de semana. Entre 21 e 22 de setembro, 167 espaços em seis regiões administrativas receberam nova pintura. O Departamento de Trânsito do Distrito Federal (Detran-DF) montou um cronograma para os próximos dias com a meta de alcançar outros 360 pontos considerados prioritários em Planaltina, Plano Piloto, Núcleo Bandeirante, Taguatinga e Ceilândia. 

No fim de semana, Asa Norte, Taguatinga, Samambaia, Planaltina, Candangolândia e Núcleo Bandeirante receberam as equipes. Nesta semana, em um esquema especial, grupos diurnos e noturnos estão escalados para tratar de travessias próximas a escolas, hospitais, terminais rodoviários e locais de grande movimentação de pessoas. 

Segundo o Detran, por enquanto, a revitalização é realizada com uma nova pintura nas faixas, mas, em breve, isso mudará. Equipamentos para a realização de lavagem da sinalização estão sendo adquiridos. Quando estiverem em condições de uso, serão distribuídos para equipes montadas com efetivo da Fundação de Amparo ao Trabalhador Preso (Funap), órgão vinculado à Secretaria de Justiça e Cidadania (Sejus).

“Com certeza dá mais segurança para atravessar a pista”, comemora a aposentada Ana Maria, 68 anos. Ela revela que motoristas usavam a sinalização apagada como justificativa para ignorar o pedestre. “É preciso ter mais educação”, pede a moradora da Asa Norte, onde houve maior número de recuperações: 59. 

Na Candangolândia, seis faixas foram repintadas. Para a cuidadora de idosos Marly Pereira, 33 anos, a medida é essencial para garantir a segurança. Ela, que faz questão de passar pelo trajeto mesmo quando não há veículos na pista, valoriza a pintura nova. “Deixa mais visível e, consequentemente, mais seguro. Assim o motorista consegue ver a faixa de longe”, diz. 

Moradora da cidade há mais de 15 anos, Marly acredita que o processo de recuperação das faixas de pedestres da capital deve priorizar algumas áreas. “É ainda mais importante na frente de escolas, postos de saúde e locais de grande fluxo de pessoas”, opina. 

Em frente à Escola Classe 2 da Candangolândia a pintura está novinha. Por ali passam cerca de 450 estudantes todos os dias, além de pedestres que se deslocam até o ponto de ônibus logo em frente. “Essa pintura faz diferença para a segurança, mas também é preciso educação dos motoristas, que muitas vezes não param”, cobra o analista ambiental Michael Jackson, 30 anos. Para ele, uma pintura mais visível desperta a atenção do motorista.

Como funciona a recuperação 

Segundo o Detran, o trabalho de recuperação das travessias começa com planejamento. A Diretoria de Engenharia faz um mapeamento dos pontos mais críticos, em que há muita circulação de pedestres. A partir desse levantamento as equipes se deslocam para os locais mapeados.

Nos pontos indicados, os trabalhadores limpam o asfalto e aplicam a pintura, sempre em uma faixa de rolamento por vez. A autarquia revela que a prioridade de revitalização é nos períodos noturnos e aos fins de semana, para não prejudicar o fluxo de veículos e a segurança das equipes de sinalização.

A ação não termina com a conclusão da pintura. No endereço, as equipes ainda verificam o estado das placas verticais de advertência para saber se é necessária a troca. Por último, a faixa recuperada passa por um processo de georreferenciamento. Desse modo, a localização exata é arquivada e tem início o período de garantia, que pode durar até dois anos. Desde o início do ano quase dois mil pontos passaram por manutenção.

DER também atua

Na sexta-feira (20), o Departamento de Estradas de Rodagens (DER-DF) iniciou a renovação da pintura das 38 faixas do Pistão Sul, na DF-001 (EPCT – Estrada Parque Contorno). As faixas de rolamento também serão recuperadas.

Depois será a vez de o Pistão Norte passar pela recuperação das 26 passagens de pedestres que possui. O trabalho de revitalização está programado para durar aproximadamente 20 dias.

GDF convoca interessados em administrar a Rodoviária do Plano

Edital publicado nesta terça-feira (24) inclui projeto de gestão, modernização, conservação e exploração do terminal e áreas comerciais. Prazo para manifestação é de 30 dias

Por Redação

Um edital de chamamento da
Secretaria de Mobilidade (Semob) convocando interessados na apresentação de
projetos para a gestão da Rodoviária do Plano Piloto foi publicado no Diário
Oficial desta terça-feira (24). 

Conforme o documento,
as propostas podem ser entregues em até 30 dias. Após esse período, as empresas
interessadas terão mais 120 dias para apresentar uma proposta detalhada com
“projetos, levantamentos, investigações e estudos”, que serão avaliados e
classificados para a conclusão da concessão.

A publicação
estabelece que, além da operação do terminal, também deverá ser considerada a
“utilização de áreas correlacionadas, incluindo sua recuperação, modernização,
operação, manutenção, conservação e exploração”.

Há pouco mais de três meses, o governador Ibaneis Rocha já havia anunciado a medida. “Nós pensamos em projeto de PPP para essa área da Rodoviária, para transformá-la em um grande shopping dentro da cidade, onde as pessoas tenham realmente acessibilidade e condições de manutenção. É uma coisa que nós temos que pensar: as rodoviárias que funcionam bem no mundo todo são geridas pela iniciativa privada”, declarou. 

Os interessados deverão
apresentar requerimento junto à Semob, na forma do art. 10º do Decreto nº
39.613/2019, em meio físico e digital mediante protocolo em dias úteis, de 8h
às 12h e de 13h às 18h, no Protocolo localizado na Estação Rodoferroviária,
SAIN – Ala Sul – Sobreloja, em até 30 (trinta) dias. Também deverão ser
entregues documentos como razão social, CNPJ, endereço sede, endereço
eletrônico, telefones, representante legal, entre outros. 

Segundo o edital é permitida
a associação de pessoas jurídicas para a apresentação do projeto, que deverá
ser entregue em até 120 dias corridos, após a publicação do termo de
autorização.

Da Redação com informações da Ag. Bsa

Detran oferece curso teórico gratuito para tirar carteira de motorista

Serão atendidos 30 alunos da rede pública com idade entre 18 e 35 anos

O Departamento de Trânsito do Distrito Federal (Detran-DF) abre, nesta terça-feira (24/9), as inscrições para alunos da rede pública de ensino, que pretendem tirar sua Carteira Nacional de Habilitação (CNH), realizar, gratuitamente, a fase teórica do processo de habilitação – incluindo os exames médicos e psicotécnicos, as aulas teóricas e a prova teórica. As aulas práticas de direção devem ser custeadas pelos próprios alunos.

Para se inscrever, o aluno precisa estar regularmente matriculado em turmas de Educação de Jovens e Adultos, Ensino Médio ou Educação Profissional, e idade entre 18 e 35 anos. As inscrições estarão disponíveis até as 23h59 do dia 25, pelo link http://abre.ai/inscricaocnh e o resultado será divulgado a partir das 18h de sexta-feira (27/9).

Caso o número de inscritos ultrapasse as 30 vagas, serão adotados os seguintes critérios: comprovação de inscrição no Cadastro Único dos Programas Sociais (CADÚnico), idade mais avançada e estar em situação de desemprego por mais tempo. Caso persista o empate entre os candidatos, será realizado sorteio entre eles. Todas as regras e condições da seleção estão dispostas em edital, disponível no endereço www.detran.df.gov.br/obtenção-cnh

O curso é fruto de parceria com clínicas credenciadas e Centros de Formação de Condutores (CFCs) que aderiram ao projeto Instituição Parceira, dentro do programa Reformulação Pedagógica. Com o curso, o Detran testará, na sua terceira fase, os objetivos e  desempenhos da nova metodologia a ser implementada no início de 2020  e de aplicação, nos cursos de formação de condutores, por todos os CFCs do Distrito Federal.

As aulas teóricas acontecerão de 15 de outubro a 6 de novembro, sendo ministradas pelos professores da Escola Pública de Trânsito. A prova teórica também será realizada no Detran. As instituições parceiras oferecerão os exames médicos e psicológicos e a biometria das aulas práticas. 

Cronograma

Inscrições: de 24 de setembro às 23h59 de 25 de setembro/2019  (http://abre.ai/inscricaocnh

Resultado: a partir das 18h do dia 27 de setembro

Entrega da documentação: dias 7, 8 e 9 de outubro, das 8h às 17h

Curso teórico: de 15 de outubro a 31 de outubro/2019, das 14h às 18h30

Prova teórica: dia 4 de novembro/2019, às 14h

Reteste: dia 6 de novembro/2019, às 14h

* Com informações do Detran-DF

SIRO DARLAN É ALVO DA PF

O desembargador Siro Darlan, do TJ do Rio de Janeiro, é alvo da PF.

Sete mandados de busca e apreensão foram expedidos pelo STJ. Ele é investigado por venda de sentenças.

 

 

 

 

 

 

Fonte: O Antagonista

Bem-estar: Como a atividade física pode ajudar a aliviar os sintomas da ansiedade

Colocar o corpo em movimento nunca pareceu tão estratégico

Por Redação*

Em uma palavra, qual sentimento te descreve logo após a prática de atividade física? Bem provavelmente, o termo “feliz” será um dos campeões. E não é por acaso, pois ao movimentar o corpo, você libera substâncias que são capazes de melhorar o seu bem-estar.

E a ciência explica como! Segundo Maria Dilma Alves, psiquiatra e
Coordenadora Nacional de Saúde Mental, Álcool e outras Drogas do Ministério da
Saúde, as atividades físicas aumentam a liberação dos neurotransmissores
ligados ao humor: a serotonina e a endorfina. 

A médica explica ainda que manter o corpo em movimento é muito
importante para saúde mental como um todo, mas principalmente para quem possui
Transtorno de Ansiedade Generalizada, o famoso TAG. Mas você sabe o que
significa isso?

O que é e o que não é ansiedade?

Segundo Maria Dilma, os sintomas ansiosos estão presentes em diversos
momentos da nossa vida e tudo bem ser assim. Quem nunca ficou com o coração
acelerado às vésperas de algum evento importante, né?!

A ansiedade se torna um problema, ou uma doença, quando esses sintomas
se tornam desproporcionais em duração e intensidade. É hora de ligar o sinal
vermelho quando a ansiedade passar a comprometer seu trabalho, sua relação
social e familiar, por exemplo.

Que sintomas são esses?

Os sintomas podem incluir: inquietação, alteração do sono, palpitação,
taquicardia, desconforto no estômago, tensão muscular, suor, preocupação
excessiva, pensamentos indesejados, dificuldade de concentração, medos
exagerados e ainda irritabilidade.

Qual é a diferença entre ansiedade e estresse?

O estresse pode ser resumido como um conjunto de fatores externos que
causam a sensação de sobrecarga. Você pode, por exemplo, estar estressado por
conta de uma semana complicada no trabalho e aí desenvolver sintomas ansiosos.

Não necessariamente uma pessoa estressada tem TAG, mas é bom lembrar que
o estresse pode influenciar no surgimento de doenças mentais, como ensina Maria
Dilma.

Onde a atividade física entra nessa história?

Como visto no início, a atividade física é benéfica para a saúde física
e mental e surge como uma alternativa estratégica para aliviar os sintomas da
ansiedade. Sabendo de tudo isso, dá só uma olhada na seleção que preparamos:

Caminhada

A caminhada tem várias vantagens! É acessível, prática e pode ser feita
na maioria dos lugares.

Além disso, ela ainda pode funcionar como uma meditação ativa. Já
reparou que enquanto caminha você dá uma pausa nos pensamentos excessivos?

Talvez essa seja a pausa reflexiva que te faltava. Melhor ainda se for
realizada ao ar livre. O contato com a natureza faz bem para o corpo e a mente.

Corrida

Se seu preparo físico é mais avançado, a corrida pode ser uma boa
pedida. Além de também ajudar a melhorar seu humor, correr tem um impacto
positivo na sua estrutura óssea e muscular, já que fortalece essas regiões e
aumenta a resistência física.

E o melhor: essa modalidade está super em alta. Isso significa que dá
para reunir uma galera e correr junto! Boa oportunidade para fazer novos amigos
e aumentar a motivação, né?

Mas é importante ressaltar que, para pessoas com problemas
osteoarticulares (ex: artrose em membros inferiores e outras lesões
articulares), indica-se que o treinamento de corrida seja avaliado por um
profissional de saúde capacitado que considere os riscos e benefícios da
modalidade.

Dança

Quer coisa mais feliz que a dança? Ela exerce um poder terapêutico em
vários sentidos. Além de ajudar a manter o peso saudável, dançar aumenta a
flexibilidade, trabalha a coordenação motora, incentiva a criatividade e ainda
ajuda a melhorar a autoestima.

Por ser uma prática divertida e prazerosa, dançar ajuda a aliviar o
estresse do dia a dia e a fazer novos amigos. A professora de dança
entrevistada pelo Saúde Brasil, Juliana Maia, afirma: movimentar-se embalado
pelo ritmo da música é capaz de transformar um dia ruim em um dia maravilhoso.

Essa ainda é uma ótima alternativa para quem se sente desmotivado para
treinar em uma academia, por exemplo. Até porque dançar nem sempre exige que
você saia de casa. É só ligar uma música e se jogar no ritmo!

Yoga

A professora de Kundalini Yoga, Nambir Kaur, conta que a ansiedade está
ligada diretamente ao controle do medo. Segundo ela, os exercícios de yoga
trabalham a postura e a respiração, o que ajuda a aliviar a ansiedade.

Você pode conhecer ainda mais os benefícios da Yoga clicando aqui.

Viu? Colocar o corpo em movimento está entre uma das melhores coisas que
você pode fazer pela sua saúde mental. O importante é sempre manter o cuidado
com a segurança e conforto durante a prática de qualquer atividade.

Use calçados e roupas adequados para a prática de atividade física,
mantenha a postura correta e uma garrafinha de água sempre ao seu lado. Tenha
também cuidado com o sol e o calor, principalmente se sua atividade for ao
livre.

E lembre-se: é importante realizar uma avaliação clínica e funcional com profissional de saúde habilitado antes de iniciar uma atividade física, especialmente, se existem fatores de risco associados, como lesões e doenças como a hipertensão arterial, diabetes e problemas cardíacos.

*Com informações Portal Saúde

E o PT Hein?!

Neste final de semana, o PT-DF fez uma eleição interna, em Planaltina, para eleger seus dirigentes nas principais zonais do Distrito Federal. Houve até pancadaria! Em um vídeo, o deputado distrital Chico Vigilante acusa o ex-deputado Ricardo Vale de todos os impropérios possíveis.

A zona no PT-DF mostra que o partido realmente perdeu os rumos. Sem contar os petistas que estão no governo Ibaneis Rocha, principalmente lá pelos lados da Codeplan, via Paulo Tadeu. Aliás, o que Ibaneis quer com petista em seu governo?

O PT-DF tentou eleger as suas zonais, mas o partido mostrou que é uma verdadeira zona.

Que o diga Chico…

Paulo Henrique, o deslumbrado que se acha mais importante que o governador Ibaneis

Em protesto contra os desmandos do deslumbrado presidente do Banco de Brasília, Paulo Henrique Bezerra  R. Costa, retirei do Blog a publicidade do BRB. O sujeito está fazendo muita besteira dentro da instituição bancária e já possui dois processos no Ministério Público do DF (MPDFT) no pouco tempo em que está na presidência.

PH, como é conhecido, está se achando dono do BRB. Faz o que quer, não ouve sequer o governador nem secretários (ele adora dar chá de cadeira nas autoridades do DF), manipula dados e pessoas além de assediar moralmente servidores do banco, com gritos, ordens sem sentido  e palavras de baixo calão.

Por trás do sorriso escancarado pelo maravilhoso contracheque, está um sujeito de caráter duvidoso que, segundo informações, foi colocado às pressas no comando do BRB (por isso teve sua sabatina realizada na CLDF ainda em dezembro, na legislatura passada) com o aval de conhecidos funcionários do banco que posteriormente foram presos em 29 de janeiro de 2019, acusados de corrupção.

Segundo informações, graças a rede de políticos amigos que construiu ao longo de vinte anos, a quadrilha que agia no BRB conseguiu colocar Paulo Henrique no comando do banco e seria esse o motivo porque alguns conhecidos nomes continuam por lá, como por exemplo, o  diretor Dario Oswaldo Garcia Junior (velho amigo dos ex-diretores presos), além de outras pessoas ligadas ao ex-governador Rodrigo Rollemberg que inexplicavelmente continuam por lá.

O governador Ibaneis Rocha foi iludido com o intrépido rapaz que agora faz autopropaganda, ignora políticos e faz o que bem entende na presidência do sofrido Banco de Brasília.

Ibaneis errou ao colocar um sujeito bipolar que encheu o banco de estrangeiros descompromissados com o banco e com o DF. Só estão lá pelo gordo contracheque e possibilidades de milionários negócios.

Novo escândalo a seguir? A PF e o MPF precisam investigar PH e seus tentáculos urgente, antes que os danos sejam maiores para o BRB.

E por último, recordo aqui uma frase do falecido ex-governador Joaquim Roriz. “Cão que não obedece o dono, ou mata ou doa ele”. Roriz não tolerava insubordinação e por isso foi o único governador reeleito da história do Distrito Federal.

 

Operação Verde Brasil: multas na região Amazônica somam R$ 36 milhões

Ação governamental é voltada a combater incêndios na Região Amazônica

Por Redação*

A Operação Verde Brasil contabilizou, no primeiro mês de operações, 112 termos de infração aplicados, que totalizam R$ 36,37 milhões em multas, de acordo com balanço divulgado hoje (23) pelo Ministério da Defesa. Os recursos são destinados ao Tesouro Nacional. 

As multas foram aplicadas principalmente pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) e Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) por práticas ilícitas como mineração e garimpo ilegal, desmatamento e apreensão de madeira. 

A Operação Verde Brasil é a ação governamental voltada ao combate aos incêndios e crimes ambientais na Amazônia. O governo federal decretou, em 23 de agosto, a Garantia da Lei e da Ordem (GLO) Ambiental para ampliar as equipes em atuação na Amazônia para o combate ao fogo e investigação de ilícitos nas regiões afetadas.

Na última sexta-feira (20), a GLO foi prorrogada até 24 de outubro, nas áreas de fronteira, nas terras indígenas, nas unidades federais de conservação ambiental e em outras áreas dos estados da Amazônia Legal.  

De acordo com o ministro da Defesa, Fernando Azevedo e Silva, a GLO gerou um efeito dissuasivo entre aqueles que cometem crimes na Amazônia legal. “Pessoal que estava fazendo algum ilícito, some. [A presença de militares e de outros agentes] ajuda a prevenir ilícitos e incêndios”, diz. 

Ao todo, foi empregado um efetivo de 8.170 militares e integrantes de agências municipais, estaduais e federais; 143 viaturas; 12 aeronaves; 87 embarcações. O resultado é de 28 veículos apreendidos; 63 pessoas apreendidas ou detidas, além das 112 multas.

Queimadas 

De acordo com balanço do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia (Cesipam), baseado nos dados do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), os focos de calor na floresta amazônica, no bioma Amazônia, somaram 30.901 focos em agosto deste ano. Número que superou os 10.421 focos registrados em agosto do ano passado. 

Em setembro, esse número caiu para 17.095, abaixo dos 24.803 registrados no ano passado e abaixo da média histórica de 33 mil focos. 

A Amazônia Legal é composta ainda pelo bioma Cerrado, este mais suscetível a incêndios nessa época do ano, e pelo Pantanal.

*Com informações da EBC

Seminário internacional discute uso de veículos elétricos no Brasil

Conflitos, oportunidades e soluções para a eletromobilidade serão tema de painéis no auditório da Câmara Legislativa onde serão discutidas experiências do Chile, Japão, Coreia do Sul

A eletromobilidade será tema do seminário internacional Open Thinking, que acontece na Câmara Legislativa do Distrito Federal nesta quinta (26) e sexta-feira (27), de 9h às 17h. Veículos elétricos, transporte urbano sustentável e redução de poluentes são perspectivas mundiais da área. Em parceria com a Sociedade de Transportes Coletivos de Brasília (TCB) e Universidade de Brasília UnB), o evento vai reunir representantes do setor dos EUA, China, Japão, Coreia do Sul, Israel, Portugal, Chile e Brasil. Aberto à população, evento tem inscrição gratuita

Na solenidade de abertura, na quinta-feira, às 9h, o presidente da Casa, deputado Rafael Prudente (MDB), deve receber o vice-presidente da república, Hamilton Mourão; o governador Ibaneis Rocha; os ministros da Economia, Paulo Guedes; de Desenvolvimento Regional, Gustavo Canuto; das Ciências e Tecnologia, Marcos Pontes; além das delegações internacionais. Ainda na manhã de quinta-feira, os painéis abordam os desafios da eletromobilidade no mundo e as experiências internacionais, como as políticas de implementação no Japão, de regulação na Coreia do Sul e de operações no Chile. Já no período da tarde, os participantes tratam das oportunidades de negócios, inclusive com técnicos da empresa chinesa BYD (Build Your Dreams). Na sexta (27), os painéis abordam as formas de financiamento público, as pesquisas em smart city e a mobilidade com acessibilidade.

Fonte: CLDF

.fb_iframe_widget_fluid_desktop iframe {
width: 100% !important;
}

METE NA CADEIA! Desembargador do Rio é alvo da PF por vender sentenças

Uma operação da Polícia Federal , desencadeada na manhã desta terça-feira, mira o desembargador Siro Darlan . Agentes cumprem sete mandados de busca e apreensão expedidos pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ) na casa dele, na Gávea, na Zona Sul do Rio, em seu gabinete, no Tribunal de Justiça, no Centro; em seu escritório na Barra da Tijuca e em um endereço ligado a ele no município de Resende, no sul Fluminense. A informação é de o Globo.

 

Siro Darlan é alvo de um inquérito no STJ, que apura a venda de sentenças no Fórum da capital, conforme antecipou o GLOBO no final do ano passado . O desembargador foi quem mandou soltar os ex-governadores Anthony Garotinho e Rosinha Matheus , menos de 24 horas depois de o casal ser preso, no início deste mês.

Em dois casos investigados, detentos teriam sido beneficiados por decisões de Darlan . Num deles, foi anexada a colaboração premiada de um dos envolvidos, que afirmou ter ouvido de um dos presos sobre o pagamento a um intermediário do magistrado: R$ 50 mil para ser solto. Inicialmente, segundo o delator, o lance foi de R$ 120 mil, mas caiu para menos da metade dividido em duas parcelas.

LEIA ESTA:

Policiais vão para guerra, choram, morrem… mas a sociedade não se indigna

Darlan é um magistrado controverso no Tribunal de Justiça do Rio (TJ-RJ) pelas decisões recorrentes de dar liberdade a presos em plantões judiciais. Além dos inquéritos no STJ, também é alvo de uma representação na presidência do TJ-RJ, assinada pelos outros quatro desembargadores da 7º Câmara, e uma investigação no Conselho Nacional de Justiça (CNJ) para apurar faltas disciplinares.