Noticias de Brasília

Política – Metrópoles O seu portal de notícias

  • by Bruna Lima on 19 de novembro de 2019 at 21:40

    Sessão solene da CLDF ocorreu em uma tenda montada ao lado da administração da cidade: lideranças cobraram melhorias na cidade O post Planaltina pede a distritais mais escolas, hospitais e segurança apareceu primeiro em Metrópoles.

  • by Francisco Dutra on 19 de novembro de 2019 at 17:42

    Deputado distrital nega mais uma vez a prática e diz que continua na base governista da Câmara Legislativa O post Fernandes a Ibaneis após denúncia de rachadinha: “Sigo na base” apareceu primeiro em Metrópoles.

  • by Bruna Lima on 18 de novembro de 2019 at 23:39

    Áudios com suposto esquema de devolução de parte dos salários são investigados. Gravações vieram à tona com a volta do delegado à CLDF O post Fernando Fernandes sobre denúncia de rachadinha: “Difamação” apareceu primeiro em Metrópoles.

  • by Suzano Almeida on 18 de novembro de 2019 at 08:30

    Média dos contracheques na Câmara Legislativa chega a R$ 20,8 mil. Executivo fica na lanterna do ranking de setembro, com R$ 8,6 mil O post TCDF tem média salarial mais alta entre servidores: R$ 25,4 mil apareceu primeiro em Metrópoles.

  • by Bruna Lima on 15 de novembro de 2019 at 20:56

    Na Câmara Legislativa, parlamentares querem que o deputado, acusado de agressão por ex-companheira, abra mão da vaga no colegiado O post Volta de Hermeto abre embate por composição da CPI do Feminicídio apareceu primeiro em Metrópoles.

  • by Manoela Alcântara on 12 de novembro de 2019 at 20:49

    O deputado, que estava licenciado e ficou 11 meses na AR de Ceilândia, retoma o mandato no lugar da suplente Telma Rufino (Pros) O post Fernando Fernandes deixa administração regional e volta à CLDF apareceu primeiro em Metrópoles.

  • by Fernando Caixeta on 8 de novembro de 2019 at 21:04

    Para distritais, prisão do ex-presidente era ilegal. Ele se beneficiou da mudança de entendimento do STF sobre detenção após 2ª instância O post Deputados do PT no DF comemoram liberdade de Lula apareceu primeiro em Metrópoles.

  • by Suzano Almeida on 7 de novembro de 2019 at 18:51

    Além dos dois, diretor da Polícia Civil também será ouvido pelo grupo. Primeiro dia da comissão teve alfinetada da presidente no vice O post CPI do Feminicídio chama secretários de Segurança e da Mulher apareceu primeiro em Metrópoles.

  • by Da Redação on 7 de novembro de 2019 at 00:33

    Em encontro, diretor-geral apresentou protocolos do Distrito Federal para a resolução de casos de violência contra a mulher O post Primeira ação da CPI do Feminicídio tem visita de cortesia à PCDF apareceu primeiro em Metrópoles.

  • by Suzano Almeida on 6 de novembro de 2019 at 21:53

    Cobranças teriam ocorrido entre fevereiro e junho, de acordo com documento entregue ao MPDFT. O distrital e o chefe de gabinete negam O post Ex-funcionários de Hermeto o denunciam ao MPDFT por “rachadinha” apareceu primeiro em Metrópoles.

  • by Suzano Almeida on 5 de novembro de 2019 at 22:45

    Projeto aprovado em segundo turno na CLDF também nomeia a praça em frente à Galeria dos Estados com o nome de Marielle Franco O post Vias do DF não poderão ser batizadas com nomes de torturadores apareceu primeiro em Metrópoles.

  • by Suzano Almeida on 5 de novembro de 2019 at 00:41

    Presidência e vice-presidência ficarão com Telma Rufino (Pros) e Claudio Abrantes (PDT), respectivamente. Relator será Fábio Felix (PSol) O post CPI do Feminicídio tem pré-acordo, com oposição na relatoria apareceu primeiro em Metrópoles.

  • by Suzano Almeida on 4 de novembro de 2019 at 08:30

    Profissionais contarão com banheiros masculinos e femininos, vestiários e salas de descanso O post Ponto do caminhoneiro vira lei no Distrito Federal apareceu primeiro em Metrópoles.

  • by Suzano Almeida on 2 de novembro de 2019 at 23:50

    O objetivo da ação é construir uma agenda permanente de enfrentamento e de superação do racismo no DF O post Novembro Negro leva candomblé à praça da Câmara Legislativa apareceu primeiro em Metrópoles.

  • by Suzano Almeida on 2 de novembro de 2019 at 08:25

    Até o momento, 46 propostas estão em trânsito na CLDF. Entre eles, a criação de cargos, de fundações e a definição de poligonais O post GDF priorizará aprovação de PLs fundiários até o fim de 2019 apareceu primeiro em Metrópoles.

  • by Suzano Almeida on 1 de novembro de 2019 at 02:00

    Ex-companheira denunciou o distrital por agressão. Ele é um dos indicados para participar da CPI do Feminicídio na Câmara Legislativa O post Justiça proíbe deputado Hermeto de se aproximar da ex-mulher apareceu primeiro em Metrópoles.

  • by Suzano Almeida on 1 de novembro de 2019 at 00:27

    Valor será de R$ 288 mil, que servirão para viagens nacionais e internacionais a serviço e cursos de capacitação de autoridades e servidores O post TCDF abre pregão para comprar passagens aéreas a conselheiros apareceu primeiro em Metrópoles.

  • by Suzano Almeida on 31 de outubro de 2019 at 00:18

    Manifestação pedirá que o STF investigue se há relação do presidente com a morte de vereadora O post PSol-DF convoca ato para cobrar investigação contra Bolsonaro apareceu primeiro em Metrópoles.

  • by Suzano Almeida on 30 de outubro de 2019 at 08:04

    Proposta, na visão de técnicos da CLDF, pode reduzir vagas em concursos do Judiciário. Medida vale para pedidos da esfera federal também O post Projeto de lei autoriza TJDFT a requisitar servidores do GDF apareceu primeiro em Metrópoles.

  • by Suzano Almeida on 30 de outubro de 2019 at 01:09

    Desde o anúncio da criação da comissão, há 40 dias, cinco mulheres foram assassinadas no DF O post Coletivos de mulheres pressionam CLDF por CPI do Feminicídio apareceu primeiro em Metrópoles.

Falta de parceiro faz mulheres congelarem óvulos

Falta de um parceiro ou de uma relação estável são as principais causas para mulheres que buscam as técnicas de congelamento de óvulos, segundo pesquisa

De acordo com o estudo, questões sociais, como não ter um parceiro ou um relacionamento estável, são as principais causas que têm feito mulheres buscarem as técnicas de congelamento de óvulos para uma gravidez futura. No Brasil, a busca por essa técnica chegou a triplicar nas clínicas de reprodução assistida. Os especialistas em medicina reprodutiva recomendam que o congelamento de óvulos seja feito até os 35 anos de idade, pois a partir dessa idade a quantidade e qualidade dos óvulos caem consideravelmente.

Uma pesquisa realizada na Universidade Yale (EUA) revelou que a falta de um parceiro ideal ou de um relacionamento estável têm sido as principais causas pela procura das técnicas de preservação da fertilidade, como congelamento de óvulos, por parte das mulheres. A pesquisa mostrou que de 150 mulheres que optaram por congelar óvulos, 85% delas estavam solteiras por não encontrarem um parceiro ideal e 15% não tinham um relacionamento estável ou seus parceiros não demonstravam interesse na paternidade. “Seja por questões pessoais, profissionais ou de saúde, a preservação da fertilidade através da técnica de congelamento é indicada para mulheres que pretendem adiar a maternidade. A técnica amplia as possibilidades de uma gravidez saudável numa idade mais avançada”, afirmam os médicos Jean Pierre Barguil Brasileiro.e Vinicius Medina Lopes, especialistas em Reprodução Humana e diretores do Instituto Verhum, centro de referência em tratamento de reprodução assistida, localizado em Brasília. De acordo com recomendação da Sociedade Brasileira de Reprodução Assistida (SBRA), as mulheres que pretendem adiar a maternidade devem realizar o congelamento, preferencialmente, até os 35 anos de idade, enquanto os óvulos têm mais qualidade.

“A mulher que pretende adiar sua maternidade deve dobrar a atenção para os cuidados com a sua saúde e sua condição de fertilidade”, afirma o médico Vinicius Medina Lopes. “O congelamento de óvulos é uma alternativa para preservar a fertilidade da mulher que deseja ser mãe, mas precisa adiar a gravidez pelos mais variados motivos. É importante, porém, que o congelamento seja feito até os 35 anos de idade, pois a partir dessa idade a quantidade e qualidade dos óvulos caem consideravelmente”, acrescenta o médico Jean Pierre Barguil Brasileiro. O congelamento de óvulos é uma alternativa que permite não apenas que as mulheres adiem a gestação, mas também que elas aumentem as chances de engravidar usando seus próprios gametas numa idade mais avançada.

Um dos desafios da medicina reprodutiva é preservar a fertilidade, especialmente do sexo feminino, já que a mulher perde sua capacidade de ter filhos progressivamente com a idade. Para preservar a fertilidade feminina, a técnica de vitrificação é uma das que apresenta os melhores resultados. O método de criopreservação permite o ultra-resfriamento dos óvulos em baixíssima temperatura (-196ºC) e de forma muito rápida, garantindo a sua qualidade no ato do descongelamento ou desvitrificação para fertilização em seguida. Considerado um método mais avançado de criopreservação, a vitrificação proporciona taxas de gestação altas, uma vez que o procedimento preserva as características, a idade e a qualidade dos gametas femininos. Durante o processo de congelamento, os óvulos são desidratados e tratados com substâncias crioprotetoras antes de serem congelados.

O método também é indicado para casos de pacientes oncológicos, que precisem passar por quimioterapia e radioterapia. Esses tratamentos podem afetar a função hormonal e até causar uma infertilidade irreversível. “Nem todas as mulheres em tratamento do câncer vão ter problemas de infertilidade temporária ou permanente, depende muito da idade, do tipo de tumor, das drogas utilizadas e da intensidade (dosagem) do tratamento”, explica o médico Vinicius Medina Lopes. “É importante que após o diagnóstico de um câncer a mulher, especialmente aquela paciente mais jovem e que ainda não teve filhos, converse com seu oncologista sobre os riscos do seu tratamento causar infertilidade. O oncologista deve avaliar esse risco e, quando for necessário, orientar a paciente para a possibilidade de congelar seus óvulos, preservando sua capacidade de ser mãe,” orienta o especialista. Após superar a doença, as pacientes retomam sua vida normal e, consequentemente, muitas delas em algum momento de suas vidas vão querer ter filhos.

No passado recente, as mulheres tornavam-se mães ainda jovens, por volta dos 20 anos de idade. Hoje, com a ascensão do sexo feminino, é comum que a mulher moderna tenha seu primeiro filho após os 35 anos de idade. O grande problema é que quando muitas mulheres resolvem ter filhos a fertilidade delas já entrou em declínio. “O pico de fertilidade da mulher é entre os 20 e 25 anos de idade. Após os 35 anos, a fertilidade feminina entra em declínio progressivo”, explica Jean Pierre Barguil Brasileiro

Além da falta de um parceiro ou de uma relação estável, a carreira profissional, a busca pela estabilidade financeira e problemas de saúde também podem levar a mulher moderna a ter filhos numa idade mais avançada. Segundo os médicos, a mulher que deseja adiar sua maternidade deve procurar um especialista para avaliar sua condição reprodutiva e planejar, de modo seguro, a maternidade tardia.

Sobre o Instituto Verhum

Referência nacional na área de Reprodução Assistida, o Instituto é dirigido pelos médicos Jean Pierre Barguil Brasileiro e Vinicius Medina Lopes. Para garantir atendimento integral aos casais inférteis, o serviço conta com uma equipe médica altamente qualificada nas especialidades de reprodução assistida, andrologia, ginecologia geral e obstetrícia, genética, ginecologia oncológica, psicologia, ultrassonografia e endoscopia ginecológica. Desde sua fundação, há 11 anos, o Instituto já tem registrado centenas de bebês nascidos através de procedimentos de reprodução assistida, como a inseminação e a fertilização in vitro.

Com sede localizada no Lago Sul, em Brasília, o Instituto Verhum tem unidades de atendimento também na Asa Norte e Asa Sul e aposta no atendimento humanizado através de um ambiente acolhedor e uma equipe multidisciplinar atenta a todos os detalhes, para transmitir confiança, segurança e discrição. O serviço investe no que existe de mais atual e seguro nos tratamentos de reprodução humana, com equipamentos de última geração, aliando os conceitos de modernidade e inovação.

Carol Campos
Assessoria de Imprensa
(61) 98239-2806
(71) 98853-1393 (Whatsapp)
(71) 98718-8587 (Whatsapp)
www.carolcampos.com.br

Secretaria de Ciência e Tecnologia do DF recebe prêmio na 5° edição do Connected Smart City

O secretário de Ciência e Tecnologia do DF, Gilvan Máximo, recebe  nesta terça-feira (17), um prêmio representando o GDF na 5° edição do Connected Smart City, que acontecerá em São Paulo. O Ranking Connected Smart Cities foi criado com o intuito de mapear as cidades com o maior potencial de desenvolvimento no Brasil, por meio de indicadores que retratam inteligência, conexão e sustentabilidade.

 

De acordo com o Ranking da 5° edição do Connected Smart City, Brasília está no primeiro lugar da região centro-oeste e o 4° lugar geral do Brasil. A nossa Capital da República é também a 1° no ranking da Governança, a 2° em Mobilidade, a 3° em economia, a 9° em Empreendedorismo , a 4° no Connected Smart Cities e a 7° em Tecnologia e Inovação.

O secretário Gilvan Máximo afirma que Brasília tem uma das maiores rendas per capita do País. “Esse é um fator que influencia e atrai investimentos. Cabe ressaltar que nossa capital tem pontos de destaque nas áreas de Ciência e Tecnologia como 3 parques tecnológicos e 7 incubadoras de empresas”, explicou.

As quatro primeiras edições do Connected Smart Cities contaram com mais de 7 mil participantes e cerca de 300 patrocinadores e apoiadores envolvidos no debate sobre os desafios para a transformação das cidades.

“Miserê”: Penduricalhos em discussão

Por Redação*

A declaração de um procurador do Ministério Público de Minas Gerais (MPMG), semana passada, de que sua remuneração de R$ 24 mil por mês é um “miserê” reacende a discussão sobre os altos proventos dos membros dos poderes Judiciário e Legislativo, do Ministério Público e dos tribunais de Contas em todo o Brasil, além de outros órgãos da administração. A maioria deles, na realidade, ganha bem acima do teto salarial estipulado pela Constituição Federal, no valor de R$ 39.293, a que têm direito os ministros do Supremo Tribunal Federal (STF). Além dos salários nominais invejáveis, são aquinhoados com uma extensa lista de benefícios que fogem à compreensão do cidadão comum, que em última instância arca com os custos desses privilégios.

Continue lendo ““Miserê”: Penduricalhos em discussão”

A Situação de Luis Miranda

O deputado Federal Luís Miranda (DEM), depois de toda tempestade que passou, teve alguns desenrolares na sua situação política.

A primeira notícia é que não há nada de expulsão do seu partido. Nós apuramos que o parlamentar apresentou algumas provas e o Democratas, tanto a nível nacional e local, não vai fazer a caça às bruxas. A sua situação partidária está tranquila e sem a possibilidade de qualquer sanção.

Na Câmara dos Deputados, está tudo tranquilo também e dificilmente haverá alguma sanção ou algo do tipo. Luís, portanto, continuará nas comissões que preside.

Já nos bastidores, um passarinho nos contou que teve até uma história de R$ 10 mil para fazer matérias contra o parlamentar. Coisas estranhas aconteceram e estão até provadas, só não se sabe quando virão à tona.

O que não falta nessa história é  gente aproveitando os holofotes.

A briga de foice só começou! A situação de momento é que Luís Miranda continua deputado e que muita gente quer o mandato dele.

Nova farra

A Petrobras nem anunciou qual será o posicionamento da empresa diante da disparada do barril de petróleo, após ataques a instalações da Saudi Aramco, na Arábia Saudita, no fim de semana, mas os donos de postos do Distrito Federal já reajustaram o preço da gasolina nas bombas. Nesta segunda-feira (16/9), o litro do combustível podia ser encontrado a até R$ 4,45. É mais absurdo que deveria ser caso de polícia!

 

 

 

Com informações do Correio Brasiliense

Com novos saques, aplicativo do FGTS lidera ranking em loja virtual

Por Jonas Valente

O aplicativo do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) figura na primeira colocação na lista de “top apps” gratuitos da Play Store, loja virtual de programas para dispositivos móveis do sistema operacional Android. O programa do fundo e o da Caixa estão entre os principais, juntamente com opções populares como Whatsapp, Facebook, Instagram e Kwai.]

Os “top apps” são uma das categorias da loja virtual Play Store. O ranking é definido por critérios próprios e não públicos do Google, conglomerado controlador da loja. A posição do ranking não é dada, assim, pelo número de downloads. O aplicativo do FGTS, por exemplo, marcava até a data da publicação 60 mil downloads. Já Facebook e Whatsapp chegavam à casa dos 90 milhões de carregamentos.

Por meio dele é possível consultar o valor disponível para saque imediato, canal de pagamento, extrato, saldo e tirar dúvidas sobre o benefício. Para instalar, é necessário dar informações como CPF, nome, data de nascimento e cadastrar uma senha. O site da Caixa traz um passo-a-passo para o procedimento.

O aplicativo foi atualizado no início do mês. Entre os novos recursos incluídos está a consulta do processo de saque imediato e adesão a ele. A ferramenta também passou a disponibilizar informações e permitir consulta para o saque aniversário.

Na Play Store, na escala de 1 a 5 o app possuía média de 3,2. A nota é dada pelos usuários que fazem o carregamento de cada app. Nos comentários, muitas pessoas reclamavam que a atualização da versão havia vindo com problemas (ou bug, no linguajar popular utilizado para equipamentos e serviços de informática).

Diante das reclamações, a Caixa respondeu no espaço de comentários que havia enfrentado problemas mas que o procedimento de cadastramento havia sido corrigido e que poderia ser novamente realizado para viabilizar a instalação e o uso do app.

Saque imediato

O app ganha popularidade no contexto do início dos saques imediatos do FGTS anunciados pelo governo federal. No primeiro sábado, a Caixa registrou 12 milhões de transações relacionadas ao pagamento. Já foram creditados quase R$ 5 bilhões nas contas de trabalhadores atendidos com o benefício.

Fonte: Agência Brasil

DF: homem cultivava 64 pés de maconha no quintal de casa

Na noite dessa quinta-feira (01/08/2019), um homem de 32 anos foi detido após ser flagrado com 64 pés de maconha plantados no quintal de casa. O flagrante foi feito no condomínio Cachoeira, em Planaltina (DF).

A equipe do Grupo Tático Operacional do 14º Batalhão da Polícia Militar (BPM) recebeu denúncia de que havia uma pessoa que plantava e comercializa maconha em casa. No local indicado, os policiais encontraram o homem, que informou não vender os entorpecentes. De acordo com o suspeito, a maconha era para consumo próprio.

Durante busca, foi constatado que a plantação de maconha ia do fundo do quintal até a margem de um rio, ocupando uma área com cerca 300m². A ocorrência foi registrada na 16ª DP (Planaltina).

Chuvas previstas podem fechar vias no Distrito Federal

O Departamento de Trânsito (Detran) do Distrito Federal está sobreaviso sobre a possibilidade de ter de interditar temporariamente as tesourinhas (viadutos) das quadras 202, 203, 209, 210 da Asa Norte e o acesso da 711 Norte.

Segundo do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), o tempo permanecerá parcialmente nublado a nublado com pancadas de chuva e trovoadas isoladas nesta tarde e à noite. O Instituto de Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) confirma o prognóstico de chuvas localizadas “que poderão ser fortes e vir acompanhadas de trovoadas a partir da tarde”.

Por causa do temporal no final da tarde de domingo (21), houve queda de árvores em nove quadras do bairro (110, 111, 303, 407, 411, 412, 710, 704 e 713). O Corpo de Bombeiro teve que efetuar a poda de 40 árvores e prestar atendimentos em 11 casos de inundação.

Fundadores do Instagram opinam sobre proposta de dividir o Facebook

Para Kevin Systrom e Mike Krieger, autoridades precisam ser específicas ao discutir a divisão de empresas de tecnologia

As falas de Mark Zuckerberg sobre a integração de Messenger, Instagram e WhatsApp e da senadora americana Elizabeth Warren sobre desmembrar empresas de tecnologiatêm sido muito discutidas. Entre os que trataram do assunto, estão os fundadores do Instagram, Kevin Systrom e Mike Krieger, que estiveram na SXSW 2019 na segunda-feira (11).M

Os dois venderam a rede social para o Facebook em 2012 e permaneceram na empresa até setembro de 2018. Um dos motivos para a saída teria sido o envolvimento cada vez maior de Zuckerberg nos planos do Instagram.

Fundadores do Instagram opinam sobre proposta de dividir o Facebook

Mike Krieger (à esquerda) e Kevin Systrom

Quando perguntados, eles evitaram fazer críticas sobre o direcionamento dado à plataforma e disseram que a perda de autonomia foi algo natural com o seu crescimento. Para Systrom, a venda foi o que fez a rede social se tornar ainda maior.

Ele não se mostrou muito confiante em relação à proposta de dividir empresas como Facebook, Google, Apple e Amazon para impedir monopólios. Em sua opinião, a medida precisa ser tratada como uma “receita muito específica para um problema muito específico”.

“Se você quer resolver problemas econômicos, há formas de fazer isso. Se quer resolver a interferência russa, há formas de fazer isso”, disse Systrom. “Dividir uma empresa não corrige esses problemas. Isso não significa que as empresas não devam ser desmembradas se ficarem muitos grandes e forem monopólios e causarem problemas, mas ser grande por si só não é um crime”.

Systrom teme que a proposta esteja jogando com o que ele chama de sentimento de “anti-tecnologia”, que estaria presente em muitas pessoas. Para ele, os políticos deveriam “abordar problemas reais com soluções reais”.

Krieger tem uma opinião parecida e afirma que as autoridades precisam definir quais pontos desejam solucionar. “Acho que elas [discussões sobre a proposta] serão melhores e levarão a uma política melhor se formos realmente específicos sobre os problemas que estamos tentando resolver”, afirmou.

A divisão de grandes companhias de tecnologia é uma das propostas de Elizabeth Warren, uma das possíveis candidatas do Partido Democrata à presidência dos Estados Unidos nas eleições de 2020. O projeto, no entanto, vai de encontro com planos de Zuckerberg, que pretende integrar ainda mais as suas empresas.